top of page
  • Foto do escritorSottelli Space Crew

Quais tipos de empresas podem usar o SaaS? Será que ele é para meu pequeno negócio?



Você sabia que o SaaS (Software as a Service ou Software como serviço) pode ser utilizado em diversos tipos de negócio? Pequenas empresas têm uma falsa crença de que o SaaS é uma solução voltada para grandes negócios, mas isso é um mito.


Ela é, na verdade, uma forma de resolver problemas de gestão e produtividade em micro e pequenas empresas por meio da otimização de gastos.


Confira a seguir as aplicações do SaaS em empresa e seus benefícios para os pequenos negócios!


SaaS e suas aplicações em empresas


Em primeiro lugar, vamos refrescar o que significa o SaaS (Software as a Service). Esse modelo de negócio surgiu a partir da computação em nuvem e tem como foco disponibilizar soluções de tecnologia por meio da internet.


Ao invés de comprar uma licença e instalar um programa para armazenar dados e trocar informações na empresa, basta assinar o software e utilizá-lo via internet. Ou seja, você não precisa de hardwares tradicionais de hospedagem e espaços físicos. 


Com o SaaS, seus softwares são hospedados nos servidores de provedores externos.


As empresas que ofertam o serviço de SaaS se responsabilizam pelo gerenciamento de dados, pela segurança das informações e pela conectividade via internet dos clientes.


Se ainda não compreendeu exatamente como é um Software como Serviço, pense no Google Drive ou no Dropbox. Eles são modelos de SaaS. Você armazena e gerencia dados na nuvem, sem necessidade de ter o programa instalado em seu computador. 


Se quiser mais espaço de armazenamento além do limite oferecido no plano gratuito, deverá assinar um plano diferenciado.


E nas empresas? Como o SaaS funciona? Da mesma maneira. Porém, o modelo de negócios já é parte da transformação digital, modificando a própria gestão das empresas. 


Isso porque as ferramentas SaaS permitem a criação de processos automatizados e ações inteligentes, otimizando os fluxos de trabalho.


Comunicação interna, armazenamento de arquivos, suporte ao cliente, gerenciamento de projetos, vendas, tudo isso é influenciado positivamente pelo Software como Serviço. 


E por essa abrangência, as ferramentas colaboram para o desenvolvimento de pequenas e médias empresas. Inclusive, muitas delas foram criadas pensando em atender essas organizações.


Vantagens do SaaS para pequenas empresas


A vantagem que é sempre citada quando o assunto é SaaS para pequenas empresas é a redução de custos. É claro que o fato de ser ofertado a partir de assinaturas permite que a empresa contrate sob demanda e cancele quando achar necessário. 


O investimento na infraestrutura de TI é menor, e isso também contribui para a redução de custos.


Mas esse benefício está longe de ser o mais importante, porque a redução de custos pode vir de outro lugar, certo? Corte em supérfluos ou redução no quadro de pessoal são outros exemplos.


Por esse motivo, pontuamos a seguir algumas vantagens mais relevantes que o SaaS traz para os pequenos negócios.


Cria oportunidades de negócio


O modelo SaaS dá ao gestor a possibilidade de gerenciar seu pequeno negócio com uma ampla visão dos processos internos. As ferramentas, quando utilizadas de forma planejada, contribuem para que as equipes melhorem a qualidade do produto ou serviço, criando novas oportunidades de negócio.


Com uma gestão mais assertiva e produtiva em seu segmento de mercado, a empresa consegue ganhar mais competitividade. 


Otimiza o uso de tecnologias


Você sabia que pode ter um CRM ou um ERP com a cara do seu pequeno negócio? Essa é uma das principais vantagens do SaaS, pois ele simplifica o uso de novas tecnologias, permitindo a contratação desses sistemas para automatizar processos da sua empresa. Além disso, ele também permite a integração dessas tecnologias com outras.  


Outro ponto interessante é a escalabilidade. Hoje, você tem um pequeno negócio, mas certamente o objetivo é que ele se torne grande. Na medida em que ele cresce, você precisará integrar novas soluções, e isso será possível com o SaaS. 


Ou seja, é possível fazer um uso escalável de recursos, acessando menos ou mais serviços conforme a demanda. Se você tem uma solução de ERP com um número reduzido de usuários, poderá aumentá-lo conforme os bons resultados ou de acordo com um período no ano de maiores demandas.


Por fim, como pontuamos, você não precisará instalar e executar aplicativos nos seus dispositivos, o que elimina custos com aquisição e manutenção de hardware, licenciamento, instalação e suporte de software.


Confere maior mobilidade e agilidade aos usuários


A computação em nuvem revolucionou o acesso à tecnologia. Quando falamos de aplicativos no modelo de SaaS, por serem baseados em cloud computing, os usuários conseguem acessá-los de qualquer dispositivo e local com acesso à Internet. 


Se sua empresa possui um time de vendas externo, por exemplo, ele conseguirá utilizar os recursos móveis de onde estiver. 


Além da mobilidade, a automação do modelo SaaS é outro benefício interessante, porque suas ferramentas desempenham diversas funções automaticamente. Sem falar na facilidade de implementação para empresas que precisam de rapidez e eficiência.


Por fim, o responsável por manter o software atualizado não é do gestor ou de sua equipe de TI, mas da empresa provedora do software. Ou seja, a ferramenta está sempre atualizada. 


Tudo isso confere maior agilidade no trabalho, provocando aumento de produtividade das equipes.


Otimização dos recursos financeiros


Todas as vantagens do SaaS que mencionamos até o momento tem relação direta com a redução de custos. Por isso, falar pura e simplesmente do menor gasto não faria sentido, porque a redução é uma consequência. A ideia é otimizar os recursos financeiros a partir do menor custo. 


Com a convergência de soluções de tecnologia, maior produtividade na empresa e boas ferramentas de gestão, o gestor consegue ter melhores resultados. Se o SaaS reduz custos, ele pode empregar recursos (que seriam destinados a outra solução mais custosa ou que demandasse mais recursos) no core business, naquilo que realmente importa para o negócio.


Além disso, com os melhores resultados, poderá se colocar em um lugar acima do mercado, porque seu poder de fogo será maior.


Adotar o SaaS em seu pequeno negócio pode ser um passo importante no seu crescimento. Em muitos casos, inclusive, é mais fácil implementar essas ferramentas em pequenas empresas, pois elas conseguem aderir melhor às mudanças por não ter uma grande estrutura.


No entanto, seja qual for o tipo e o porte do seu negócio, o sucesso de uma solução SaaS depende de dois fatores essenciais: planejamento e fornecedor confiável. A implementação do sistema deve ser planejada para que as operações empresariais não sejam prejudicadas. 


E isso deve ser feito por uma empresa séria que possui expertise e soluções adequadas para seu negócio. Quer saber como a Sottelli pode te ajudar nisso? Veja nossos serviços!

8 visualizações

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page