Inteligência Artificial nos negócios: como a IA pode revolucionar sua empresa?

Inteligência Artificial nos negócios: como a IA pode revolucionar sua empresa?

Publicado por nome do autor em data do post

Falar de Transformação Digital sem falar de Inteligência Artificial (IA) é impossível. Qualquer empresa que deseja passar de vez para a era digital precisa compreender o papel dessa tecnologia para um negócio.

Se você não sabe o que é IA, nós explicamos de maneira prática: inteligência artificial é uma solução que agrupa várias tecnologias capazes de simular capacidades humanas ligadas à inteligência. Duas dessas capacidades é a percepção de ambiente e a análise para a tomada de decisão.

Parece interessante, certo? E é muito, porque a IA nos negócios pode revolucionar uma empresa, e nós mostramos como!

Inteligência Artificial e a revolução nos processos internos

Uma empresa possui como setores principais o Financeiro, o RH, o Jurídico, o Comercial, o Marketing, e a TI. Em cada uma dessas áreas, existem processos internos específicos. No entanto, eles interferem diretamente nos processos das demais áreas. Um negócio próspero é interligado e baseado em uma cadeia de ações.

No entanto, isso não é eficiente. É preciso garantir eficiência no ambiente de trabalho, minimizando erros e gargalos. A inteligência artificial, por meio da computação em nuvem, do Big Data e de outras ferramentas, dá aos gestores maior capacidade na organização e realização de tarefas.

Ela atua diretamente na automação de tarefas por meio de máquinas, gerando resultados de qualidade com mais eficiência e rapidez. No mesmo sentido, fornece informações valiosas que ajudam os gestores a tomar decisões de negócios mais fundamentadas.

Por isso, a IA veio para revolucionar os processos internos, auxiliando os profissionais em suas tarefas. Seu foco é tornar o negócio mais produtivo e substituir o homem em atividades burocráticas e repetitivas.

Uma empresa pode se desenvolver com a IA em três pontos mais gerais: automação de tarefas, maior capacidade dos profissionais, e impulsionar a inovação.

Automação de tarefas

A inteligência artificial possui uma característica interessante que é aprender ao máximo com a experiência. Uma das tecnologias de IA que retrata isso é o Machine Learning (aprendizado de máquina). Os computadores aprendem, a partir da assimilação de diferentes dados digitais, e descobrem padrões analíticos. Ao longo do tempo, aprimoram a realização de uma atividade que se baseia nesses dados.

Na prática, a IA consegue automatizar inúmeras e complexas tarefas físicas que demandam agilidade, adaptabilidade e aprendizagem. Ao invés de uma pessoa analisar dados manualmente para chegar à ação, a máquina faz isso por ela.

Um bom exemplo é o chatbot, presente em muitos perfis comerciais no Facebook ou no próprio site da empresa.

O interessado conversa com aquele robô, que simula o comportamento de um atendente, para direcionar o interlocutor a outras ações. Somente quando se esgota seu conhecimento é que o potencial cliente é atendido por uma pessoa real.

Em muitos casos, consegue resolver a questão sem repassar a pessoa a um profissional da empresa. Em qualquer hipótese, já leva um consumidor mais “filtrado” e preparado para o funcionário.

Maior capacidade dos profissionais

Já pensou em ter profissionais mais eficientes e estratégicos? Claro que sim. E essa é uma das propostas da inteligência artificial nos negócios. Ela é capaz de assumir as tarefas repetitivas e burocráticas, certo? Assim, os profissionais podem se dedicar à ações mais assertivas, em que são indispensáveis.

Isso ocasiona não só um aumento na capacidade dos profissionais em executar tarefas, mas também um crescimento econômico da empresa. A mão de obra existente se destina a atividades mais relevantes, que agregam mais valor. O RH, por exemplo, pode se dedicar a recrutamento e seleção ao invés de folha de ponto.

Além disso, a IA pode complementar as habilidades humanas e estimular os profissionais a desenvolverem sua inteligência natural.

Impulsionamento da inovação

Se falamos de entrar de vez em uma era digital, estamos necessariamente falando em inovação. A inteligência artificial, por si só, já é uma inovação nos negócios. No entanto, suas aplicações são tão múltiplas que ela pode promover um impulsionamento da inovação nos negócios. Ela vem se difundindo na economia, mas também dentro das empresas.

Inovação gera inovação.

Soluções inovadoras de IA

Poderíamos ficar horas falando das soluções inovadoras que a inteligência artificial trouxe para os negócios.

Há muitos anos, convivemos com o Microsoft Word e o Google Docs para editar documentos. Eles fazem verificações gramaticais, corrigem ortografia e sugerem novas palavras. Tudo por meio da inteligência artificial.

Aplicativos de tradução instantânea também utilizam recursos baseados em IA, assim como estruturação de documentos e relatórios. A computação em nuvem revolucionou a TI e utiliza bastante a IA. Todas essas soluções fazem com que sua empresa ganhe em produtividade e eficiência.

Mas e quando aplicamos a IA no foco principal do negócio?

IA e experiência do cliente com CRM

A inteligência artificial nos negócios também vem provocando uma revolução na experiência do cliente. Se estamos na era digital, o comportamento do consumidor seguiu pelo mesmo caminho.

Os clientes querem ter uma experiência inteligente e conectada. Uma empresa deve, por isso, conhecê-lo a fundo para desenvolver uma relação personalizada, com produtos relevantes.

Cada interação do cliente com sua marca cria uma enorme quantidade de dados. Quando bem interpretados, eles podem ser transformados em insights que geram oportunidades de conexão. No entanto, poucos são os gestores que fazem isso. A maior parte sequer usa tais dados.

Assim, quem utiliza os dados de forma correta revoluciona a experiência do cliente. E é aqui que a inteligência artificial pode ajudá-lo.

A Salesforce, por exemplo, uma das pioneiras em soluções de IA (Einstein) e aprendizagem de máquina no relacionamento com o cliente, integrou inteligência artificial em seu CRM. O Salesforce Einstein ajuda a analisar dados, trazer insights e melhorar o relacionamento com o cliente.

Gestores que utilizam a inteligência artificial conseguem oferecer experiências realmente personalizadas para seus clientes. E ela ajuda os gestores de diversas formas, como:

  • Marketing: cria uma jornada preditiva com insights sobre comportamento e desejos dos clientes, além de customizar experiências na jornada de cada cliente e prever informações ideais para campanhas;
  • Vendas: além de automatizar tarefas manuais diárias, oferece recursos para prever o fechamento de oportunidades;
  • Atendimento: contribui para compreender e antecipar as necessidades dos clientes.

A inteligência artificial é, atualmente, um dos pilares da transformação digital. Qualquer empresa que deseje se destacar no mercado deve incluir essa tecnologia em seus processos produtivos.

Quando ela se insere no relacionamento com o cliente, especialmente em um CRM, o resultado final é surpreendente: satisfação e fidelização.

Confira como um CRM pode auxiliar na automação de processos da sua empresa!

Feras no assunto

Quando se trata de nuvens Salesforce, somos especialistas em conectar estratégia e agilidade em um só projeto.

Fale com um especialista